Emoção toma conta no lançamento da Orquestra Pró-Sinfônica de Camaçari


A noite de 17 de dezembro será perpetuada no Município e na memória daqueles que estiveram no lançamento da Orquestra Pró-Sinfônica de Camaçari. Foi um espetáculo digno de aplausos e muita emoção.
Ter uma orquestra genuinamente de Camaçari com jovens talentos da cidade foi o desafio proposto pelo prefeito Ademar Delgado, em 2013, ao maestro Bira Marques e a diretoria da Cidade do Saber. De lá para cá, muitos investimentos foram feitos pela Prefeitura até a chegada do grande dia, a primeira apresentação, realizada no Teatro Cidade do Saber.
Os 40 jovens da Orquestra Pró-Sinfônica de Camaçari não fugiram da responsabilidade e fizeram bonito, deixando todos orgulhosos, principalmente o gestor do Município, que não escondeu a emoção de ver o antigo sonho se tornar realidade. “Hoje é um dia histórico. Em apenas dois anos conseguimos criar uma orquestra. Acredito na arte como colaboradora para a formação do caráter das nossas crianças e jovens e faço questão de continuar investindo nisso”, declarou.
Da plateia, a musicista e educadora musical Geisa Maia, de 35 anos, assistia com orgulho o filho Vitor de Jesus, de 14 anos, um dos violoncelistas da orquestra. “Há alguns anos eu também tive o mesmo sonho do prefeito Ademar e imaginei se veria uma orquestra formada por jovens de Camaçari. E hoje, além de vê-la, meu filho toca nela. Não tenho palavras para descrever tamanha emoção”, disse.
A educadora musical contou que o filho teve contato com música ainda no período da gestação, mas ela não acreditava que ele fosse se interessar por algum instrumento, até o momento que foi surpreendida pelo pedido para aprender a tocar. “Foi no projeto de Iniciação Musical na escola que pude desenvolver minhas habilidades e agora estou aperfeiçoando no Conservatório de Música Sinfônica. Hoje é um grande dia, um importante passo para realizar o meu sonho de ser um músico reconhecido”, disse Vitor.
A noite também teve espaço para apresentação de músicos aspirantes ao conservatório e à Orquestra Pró-Sinfônica de Camaçari, com o brilhantismo de 12 estudantes do projeto de Iniciação Musical do Centro Educacional Paulo Freire. Eles fizeram o pot-pourri das músicas Noite Feliz, Brilha, Brilha, Estrelinha e Além do Arco Irís. Está última contou com solos de Ronaldo Santos e Kaique Santos, de 10 e 11 anos, respectivamente. Ambos encontraram a música através do projeto e desejam seguir a carreira.
Durante o lançamento, teve espaço ainda para duas músicas de outros estudantes do conservatório, uma executada por instrumentos de cordas e a outra por instrumentos de metais. O sonho de quem está no conservatório é chegar à Orquestra Pró-Sinfônica de Camaçari, contou Andreza de Lima, de 15 anos, que toca trombone. “Quero ser musicista. Muitas meninas escolhem o violino, mas durante o projeto me apaixonei pelo trombone. Minha meta é chegar à orquestra. Será um orgulho imenso”, ressaltou.
Para a festa, o maestro Bira Marques criou três composições, todas em homenagem a Camaçari. Durante a apresentação de uma delas houve a participação de uma bailarina da Cia. Jovem de Balé da Cidade do Saber. O concerto contou também com as cantoras de Camaçari, Thainã Souza, na canção I Will Always Love You e Jamily Diwlay, na música Eu Sei que Vou Te Amar. Antes do concerto, houve uma apresentação do grupo de Camaçari, Bando do Padim Vô.
PROJETO
Para criar a Orquestra Pró-Sinfônica de Camaçari, a Prefeitura investiu nos últimos anos no projeto de Iniciação Musical nas escolas, executado através da Seduc (Secretaria de Educação) em parceria da Cidade do Saber.
Os jovens músicos da Orquestra Pró-Sinfônica de Camaçari foram selecionados a partir do Conservatório de Música Sinfônica, criado pela Cidade do Saber para aprimorar o desempenho dos alunos do projeto de Iniciação Musical e de outros jovens aspirantes à música sinfônica.
Atualmente, as aulas do projeto de Iniciação Musical são ministradas para 1.590 estudantes da rede municipal, duas vezes por semana, sempre no turno oposto ao das aulas. O Conservatório de Música Sinfônica recebe três vezes por semana 80 jovens oriundos do projeto. Eles contam com aulas de teoria musical, tutoriais (prática individual) e de prática de conjunto.
Integram o projeto os Centros Educacionais Marques de Abrantes, Darcy Ribeiro, Paulo Freire e Reitor Edgard Santos e as Escolas Municipais Amélia Rodrigues, Tancredo Neves, Professora Marina Tavares Cardoso, Professora Maria José de Mattos da Conceição, Parque Verde, Joana Angélica, Maclina Maria da Glória e do Natal.
PRESENÇAS
Prestigiaram o lançamento a primeira-dama do Município, Edyla Chagas, os secretários de Educação, Luiz Valter de Lima, da Cultura, Vital Vasconcelos, da Administração, Lezineide Andrade, além da diretora geral da Cidade do Saber, Ana Lúcia Silveira, e do diretor da ACEC (Associação Comercial e Empresarial de Camaçari), Luciano Sacramento. 

Related Posts

0 comentários: