Município lança sistema de informação


“Camaçari tem a rede de enfrentamento à violência contra a mulher melhor aparelhada do Estado”, disse a secretária estadual de Políticas para as Mulheres, Vera Lúcia Barbosa. Por esse motivo, o Município foi escolhido para ser o pioneiro na implantação do Sisprev (Sistema Estadual de Informação sobre a Violência Contra as Mulheres) na Bahia.
O sistema, lançado nesta terça-feira (25/11), no Centro de Referência na Atenção à Mulher Yolanda Pires, integra a agenda de ações da campanha mundial 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher, iniciada na última sexta-feira (21/11) e prossegue até 10 de dezembro.
O Centro de Referência na Atenção à Mulher Yolanda Pires, que fica no bairro Dois de Julho, recebeu entre janeiro e agosto deste ano 1.246 mulheres vítimas de violência doméstica, de acordo com a coordenação do local.
Agora esses casos estarão no sistema estadual, com informações sobre a origem da mulher, uma vez que elas chegam ao centro após serem encaminhadas pela Semu (Secretaria da Mulher), Sedes (Secretaria do Desenvolvimento Social), DEAM (Delegacia Especial de Atendimento à Mulher), Defensoria Pública e Ministério Público, rede que trabalha no enfrentamento à violência contra a mulher. Algumas procuram o espaço espontaneamente. Também vão constar informações sobre a violência sofrida e o estágio da mulher.
A secretária Vera Lúcia Barbosa explica que com essas informações será possível mapear o problema e criar políticas públicas de enfrentamento à violência mais eficazes. Ela informou que apenas 19 municípios baianos têm um Centro de Referência como o Yolanda Pires e somente 32 das 417 cidades da Bahia têm organismos municipais, como secretarias e coordenações voltadas à promoção da mulher.
Compareceram ao lançamento do Sisprev em Camaçari gestoras de outros municípios, como Salvador, Feira de Santana e Simões Filho. “Nós viemos aprender com Camaçari, porque somos uma secretaria muito nova e queremos levar o modelo daqui para o nosso município”, comentou a secretária de Políticas Públicas de Promoção à Mulher de Simões Filho, Andrea Almeida.
PROGRAMAÇÃO
Quinta-feira (27/11) – 14h às 17h – Curso Biodanza no auditório do Centro de Referência de Atenção à Mulher Yolanda Pires
Segunda-feira (01/12) – 9h às 12h – Panfletagem nas Unidades de Saúde
Quarta-feira (03/12) – 15 às 17h – Projeto: Saúde Mulher com atividade aeróbica na praça da Simpatia
Quinta-feira (04/12) – 9h às 15h – Mobilização das Entidades: Homens pelo fim da violência com visitas a ONGs, setores públicos e parceiros/9h às 12h – Panfletagem e pedágio na Orla – Vila de Abrantes e Arembepe
Sexta-feira (05/12) – 9h às 12h – Blitz nas sinaleiras da praça Desembargador Montenegro
Quarta-feira (10/12) – 15h às 17h – Chá Lilás: fechamento da Campanha de 16 Dias de Ativismo no auditório do Centro de Referência de Atenção à Mulher Yolanda Pires

Related Posts

0 comentários: