Centro de capoeira Engenho é inaugurado


O prefeito Ademar Delgado afirmou que vai trabalhar para que todas as escolas da rede municipal tenham um espaço dedicado ao ensino da capoeira. A declaração foi feita na noite de sábado (10/05), durante a inauguração do Centro de Atividades da Capoeira Engenho, que funcionará em um anexo da Escola Municipal Eliza Dias de Azevedo, no distrito de Vila de Abrantes.
Segundo o prefeito, é preciso ampliar o espaço da capoeira no Município. “Por isso, assumo esse compromisso com a população. Vamos fazer com que cada vez mais jovens pratiquem essa expressão cultural brasileira trazida pelos nossos ancestrais e que mistura arte marcial, esporte, cultura popular e música”.  
O novo espaço será mantido pela Prefeitura, através da Seduc (Secretaria da Educação), em parceria com a Associação de Capoeira Engenho, entidade que promove há 16 anos atividades dedicadas ao fortalecimento da cultura e do esporte no Município.  
Com o a inauguração do centro, a Associação de Capoeira Engenho vai dobrar o número de pessoas atendidas, passando de 200 para 400 alunos beneficiados nos turnos matutino e vespertino. O espaço conta duas salas, biblioteca, videoteca, quiosque e banheiros.
Além de capoeira, o local vai oferecer aulas de dança folclórica, confecção de instrumentos e artesanato. A intenção é de que no futuro aconteçam cursos de informática e inglês. Será realizado também um trabalho visual de resgate da capoeira com materiais específicos que poderão ser conhecidos e utilizados por todos.  
Ao agradecer o apoio da Prefeitura, o idealizador do projeto e responsável pela Associação de Capoeira Engenho, Antonio Marcos dos Anjos, mais conhecido como mestre Grandão, declarou que a entidade sempre realizou as atividades em espaços cedidos ou emprestados. Emocionado, ele destacou que este é o recomeço da história da entidade. “Sinto que esse momento é de reconhecimento do trabalho desenvolvido, além de ser a concretização de um sonho para todos nós”, frisou.
Na ocasião, o prefeito Ademar Delgado foi homenageado com uma apresentação de dança feita pelos alunos da entidade, ao som da música Mas que nada, de autoria do cantor Jorge Ben Jor. Foram realizadas também rodas de capoeira e a formatura do instrutor Anderson Silva, que na próxima semana viaja para a Espanha.  
O vereador Gilvan Souza (PT), um dos apoiadores da iniciativa, parabenizou a Prefeitura por não medir esforços e possibilitar o acesso da população à cultura, educação e ao esporte. “Nesse espaço vai acontecer algo que vai além da prática da capoeira, ações que contribuem para a formação de cidadãos”.
Estiveram presentes também na inauguração os secretários da Educação e da Cultura, Luiz Valter de Lima e Vital Vasconcelos, respectivamente, além dos mestres de capoeira Baiano e Raimundo Carneiro.


Related Posts

0 comentários: