Boletim do INEMA libera praia de Jauá para banho - Noticias, Eventos e Entretenimento!

Breaking

terça-feira, fevereiro 25, 2014

Boletim do INEMA libera praia de Jauá para banho


Após 19 dias interditadas devido ao aparecimento de algas tóxicas, as praias de Jauá, do trecho compreendido da Sororoca ao Grilo, já podem ser usadas pelos banhistas, segundo boletim do INEMA (Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos), divulgado nesta segunda-feira (24/02) pela Coordenadoria de Meio Ambiente da Sedur (Secretaria de Desenvolvimento Urbano).
O ambiente voltou às condições padrões de balneabilidade, segundo o INEMA. Na semana passada, um parecer emitido pela UFBA (Universidade Federal da Bahia), por solicitação da Prefeitura, havia confirmado de que se tratava de um fenômeno natural e que o próprio ambiente marinho restauraria o equilíbrio, fazendo desaparecer as algas.
“Conforme o esperado, as massas de algas se dissiparam naturalmente e agora os banhistas podem voltar a tomar banho sem riscos de reações alérgicas”, explicou a coordenadora de Meio Ambiente, Marinalva da Cruz.
A interdição foi solicitada pelo Estado, através do INEMA, após o surgimento de manchas de vários tons. O relatório da UFBA, assinado pelo professor doutor José Marcos de Castro Nunes, identificou o aparecimento de uma cianobactéria (algas azuis), que forma uma massa de algas de diferentes formas e tamanhos.
O organismo que libera um odor devido ao processo de decomposição foi visualizado em vários pontos da Costa brasileira, como a Ilha de Itaparica, Rio de Janeiro, Recife e Santa Catarina. Caso alguém visualize uma nova mancha no mar, deve entrar em contato com a CMA (Coordenadoria de Meio Ambiente) pelos telefones 3621-6669 ou 3621-6878.
Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here