Programa Brasil Alfabetizado, alfabetizou 5 mil pessoas em Camaçari


Promover a inclusão social para quem não teve a oportunidade de aprender a ler e escrever quando criança. É com essa proposta que a Prefeitura, através da Seduc (Secretaria da Educação), tem aplicado o programa do governo federal Brasil Alfabetizado e colaborado para a alfabetização de jovens e adultos, que residem na sede, orla e zona rural do Município.

Desde 2006, quando foi implantado o programa, o Município alfabetizou aproximadamente 5 mil jovens e adultos. De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em 2010, 12,79% dos moradores da cidade não eram alfabetizados. Em 2012, mesmo com o aumento da população, o índice diminuiu para 7,35%.



A maioria dos jovens e adultos que participa do programa não foi alfabetizado por falta de oportunidade e tempo, por isso as aulas acontecem em ambientes que se adequem aos estudantes, como escolas, associações, igrejas ou comunidades. Além disso, são os próprios estudantes programam os horários e os dias das aulas, juntamente com os professores, contanto que a carga horária de 12 horas semanais seja cumprida.

Com 75 anos, Maria Domingas Souza explica que fica ansiosa pelas aulas que ministradas quatro vezes por semana no Espaço Conviver. “Fico contando as horas para chegara o momento das aulas.”Recém-chegada a Camaçari, Hermínia Bernardo, 63 anos, elogiou a administração municipal pela execução do projeto. “Eu morava em outro município e lá não tive essa oportunidade”, ressaltou.Atualmente, 785 alunos são alfabetizados em 67 turmas. O programa tem duração de oito meses e ministra aulas de português e matemática.

Após a conclusão do período letivo, os alunos aprovados recebem um certificado e são estimulados a entrar na escola regular para cursar o ensino fundamental, enquanto os reprovados participam novamente do programa até aprender a ler e escrever.

Related Posts

0 comentários: