Prefeitura recebe moradores expulsos do Jardim Limoeiro


Na manhã desta quinta-feira (19/07), uma comissão das mais de 1.800 famílias expulsas arbitrariamente de uma área de terra no Jardim Limoeiro, localizado na sede de Camaçari, foi recebida pelo secretário do Governo, Francisco Franco, a quem foi reivindicado ajuda. Os moradores já ocupavam o terreno há mais de dois anos e foram expulsas durante a madrugada por mais de 10 homens armados.
A comissão, formada por 30 moradores, ouviu do secretário o compromisso de cadastrar todas as famílias na Sedes (Secretaria de Desenvolvimento Social), de forma que possam receber os benefícios oferecidos pelo governo. As famílias deverão ser cadastradas no CadÚnico (Cadastro Único).
O secretário também se comprometeu em disponibilizar a assessoria jurídica da Prefeitura para oferecer o suporte legal necessário às famílias.
O líder do MLM (Movimento de Luta pela Moradia), Alimelque Fernandes Cunha, que teve a sede da entidade incendiada e participou da reunião, disse que já prestou queixa no Ministério Público e vai tomar outras providências.
 “Temos a esperança de que a administração municipal vai ajudar as famílias desalojadas”, declarou Alimelque Cunha.

Related Posts

0 comentários: