Professores aceitam proposta da Prefeitura e voltam às aulas - Noticias, Eventos e Entretenimento!

Breaking

quarta-feira, março 16, 2011

Professores aceitam proposta da Prefeitura e voltam às aulas



Os professores da rede pública municipal de Camaçari, em assembléia-geral realizada na manhã de hoje (15/03), resolveram aceitar a proposta da Prefeitura e retornam amanhã (16/03) ao trabalho. Pelo acordado, o profissional com 40 horas semanais passa a ganhar salário base de R$ 1.552,00 mais outros benefícios, com retroativo a janeiro. O novo salário agrega reajuste de 12,97% para uma inflação acumulada de 3,29% no período de maio a dezembro de 2010, pois a data-base da categoria era maio e foi antecipada para janeiro. Também estão garantidos abono salarial de R$ 200,00 para o pessoal de 40 horas e R$ 100,00 para 20 horas, aumento de 7,5% no auxílio-transporte e elevação de R$ 7,00 para R$ 10,00 no tíquete-refeição.

PLANO DE CARREIRA

Tem mais, como estabelece o PCCV (Plano de Carreira, Cargos e Vencimentos), o professor pode ainda acumular em média 30% por mudança de nível. O índice varia conforme a qualificação profissional. No caso da progressão horizontal, o PCCV garante mais 3% de acréscimo a cada três anos, a começar em 5 de abril próximo, quando o plano completa três anos em vigor. A proposta firmada entre a Prefeitura e a categoria inclui ainda 15% de abono para professores que trabalham com educação especial, 15% para os da zona rural, 1% ao ano de adicional por tempo de serviço a partir de 10 anos de trabalho e R$ 20,00 de adicional noturno. A paralisação na rede pública municipal de ensino de Camaçari durou 12 dias. Os professores reivindicavam, para o pessoal de 40 horas semanais, salário base de R$ 1.597,87, valor defendido pela CNTE (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação). A proposta da Prefeitura, aceita pelos professores, de R$ 1.552,00, está bem acima do valor fixado pelo Ministério da Educação para vigorar a partir de janeiro último, que é de R$ 1.187,08.

QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL

Dentro da política de qualificação permanente do corpo docente, a Prefeitura, além dos freqüentes cursos de reciclagem, já entregou um computador PC para cada professor em regência de classe. E para permitir que os profissionais possam estar sintonizados com tudo que acontece no mundo em tempo real, a fim de instrumentalizá-los ainda mais para a tarefa de educar através das novas tecnologias, o prefeito Luiz Caetano, durante a Jornada Pedagógica, no início do ano, garantiu a distribuição de um netbook para cada professor.
Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here